Reflexionalista

Reflexionalista

Patrick de Oliveira

se eu fosse tão limpo quanto as ondas insistem, seria perfeito

se eu estivesse no controle pra onde meus pensamentos me dirigem

No final, meus demônios sempre se contradizem

Aprendi a conviver em harmonia no caos ao deixar que meus brilhos nos olhos me aliviem o éden é a favela cria

e o que a favela cria?

todos nós, deuses, desde o baile

a igrejinha

nascemos com esperança na pele frutos de uma noite de aventura sem camisinha

e muitos estão que nem dora, procurando seu rumo até hoje

muitos estão que nem dory, esquecendo tudo numa sexta à noite e enquanto o copo enche

não nos damos contas das nossas dores ou do porquê deixamos nossos vícios ultrapassarem os nossos valores

aqui, a prosperidade infelizmente não está numa loja de penhores, mas observamos a felicidade no sorriso das senhoras e senhores mais conhecidos como tio e tia

nos conhecemos com dúvidas, mas sempre nos tratamos como família

valorizamos coisas pequenas como chegar em casa e poder abraçar a filha, mas também somos dignos de poder e, quem diria, pretos vencendo e favelado lutando pelo seu semelhante

algo de animar o dia

temos medo de nós mesmos?

ou medo de ser no desespero algo que o meu próximo me forçaria?

ou por ser influenciado pelo calor do momento?

no calor uma cerveja gelada e churrasco essa tal de poesia em movimento no inverno

reclamação do descaso e poesia de enfrentamento e até um café quente ou uma sopa sopa que pode ser a única coisa pra forrar a barriga o que aliviaria ter uma moto novinha?

ou ao menos ter uma roupa?

posso te dizer que os dois são mais comuns de se sonhar

tenho medo de sair na avenida quem dirá ir nessa tal de beira-mar, mas eu vi que o parceiro de um parceiro foi pra lá depois que estourou muitos dizem que foi cantando que já tinha ido e mentindo pra mim não mentiu ele só sonhou somos escritores de sonhos visados por um ódio medonho com a nossa exigência de direito sendo ironicamente colocada como mais um favelado querendo aparecer e pedindo um favor.


Expedição CoMMúsica

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
%d blogueiros gostam disto: