O Podcast Flutuante de Stevan Zanirati

O Podcast Flutuante de Stevan Zanirati

O Podcast Flutuante de Stevan Zanirati – conheça a história dessa produção de podcast e o estilo de Stevan Zanirati

Por: Elizabeth Del Nero

O podcast Flutuante de Stevan Zanirati
Stevan Zanirati

O Podcast Flutuante de Stevan Zanirati

Como tudo começou, por Stevan Zanirati

Já faz alguns anos eu criei um perfil no Mixcloud, no qual postei algumas músicas demos, das minhas ex-bandas, áudio de show, entrevistas e experimentos sonoros. No ano de 2020, com a chegada dessa terrível pandemia, muitas coisas dificultaram a vida do artista, pois fiquei sem atividade presencial, e ai que entra a internet. Grande ferramenta para divulgação e audição das músicas de muitos de nós, artistas independentes. E as propostas pela web foram a mil por vários cantos do mundo.

No período de isolamento e restrições sociais devido à covid, fiquei bastante tempo em casa, interrompendo as atividades com a banda, como shows, ensaios e gravações. E ai veio a ideia de postar algo no Mixcloud e, apesar de a onda ser o Spotify, resolvi usar o MIX para o ouvinte não ter que ‘’engolir’’ os anúncios e por ser mais fácil para upload. Primeiramente, comecei a criar algumas playlists, chamadas de ‘’Seleção Sonora de Quarentena’’ com as edições; Versão nacional, Sons do Mundo, Especial da Gringa, Psicodelia Brasileira, Jovem Guarda e As 50 mais.

O Alternativo

Aproveitei um pouco da experiência de 4 anos e 4 meses fazendo programa da rádio na web, o Alternativo, na Ativa, para expandir a atividade de estúdio para a produção de podcasts. O Alternativo teve muita história e a prática da produção radiofônica me levou adiante, pois foi um projeto dedicado às bandas independentes, com espaço para as coisas que vinham acontecendo no movimento e também algumas entrevistas. O programa Alternativo foi veiculado por todo esse tempo na Rádio Pirada, de Porto Alegre (RS) e, anos depois, pela Mutante(SP)  e na última temporada também com a rádio O Subsolo. A transmissão ocorreu por três rádios durante a semana e depois era postado no próprio Mixcloud. 

E veio o podcast na pandemia

Com isso, pensei em um podcast com formato de programa de rádio, fugindo um pouco do conceito da maioria, com um convidado e um longo papo. Mas desta vez não pensei em algo dedicado para uma ‘’cena local’’ e sim em um programa com as músicas que vinha ouvindo durante esse período de isolamento. E claro, coisas que acompanho por muitos anos. O primeiro Podcast Flutuante contou com uma playlist, em que a maioria são artistas que eu  conheço, todos espalhados pelo Brasil, fazendo uma  articulação forte pela internet. 

Stevan Zanirati

 

Artistas e bandas do primeiro Podcast Flutuante:

Edmar Silva, Verdes e Valterianos, Ala Mil, Os Sinestésico, Tiu Funk, Tim Maia, Los Diablos Rojos, Mopho, Pedro Jules, Youngs Die Youngs, Utopia Treze, Pink Floyd, Planet Hemp, Stevan Zanirati, Caminhante Flutuante

A segunda edição do Pdcast Flutuante já foi uma variedade sonora alucinante, com Rock, Jazz, Blues, Funk, Cúmbia, Samba, Rap. Artistas brasileiros conhecidos da MPB, os vizinhos latinos e até artista do Japão.

Mas foi na terceira edição, que pra acrescentar e deixar mais interessante, pensei em convidar os amigos/artistas para dar um depoimento e ter suas músicas rolando na programação. Pra fechar, já introduzi a ideia do convidado fazer três pedidos musicais e, assim, fazendo o encerramento do programa.

Meu primeiro convidado foi o artista paulista Edmar Silva, grande articulador do movimento, além das músicas vem produzindo bastante material para nossa arte brasileira.

No início, não quis fazer como entrevista, mas deixando o artista à vontade para falar o tempo necessário. Os primeiros tiveram depoimentos mais curtos e com o tempo, outros foram usando mais o espaço para contar sobre seus trabalhos. Todas as edições foram muito boas de ter produzido, de preparar as músicas, receber os áudios, editar e passar boas horas em cima do computador e com fones nos ouvidos.

Outros queridos artistas chegaram juntos, assim como, Pedro Jules, os caminhantes Rafael Santos, André Reche e Felipe Seadi. Lejão Sampaio, Jo Reis, Fernando Costa, Georgiano de Castro, Tiu Funk, Paula Lima Oz, Jedias Heartz, Cesar Costa, George Christian, Luisa Souza, Anderson Tchaina e Gabriel Lellis. 

Nessa primeira edição de 2022, convidei Elizabeth Del Nero, idealizadora e gestora do site e rádio Expedição Commúsica. Foi uma honra, mais uma vez ter produzido esse material que fica registrado na internet para qualquer pessoa que queira ouvir, até mesmo por acaso, descobrindo de uma forma aleatória ou com ajuda dos algoritmos. 

Foi uma ótima edição para começar bem a primeira do ano, mas uma coisa  já deixei claro em algumas edições,  é a forma que encaro essa produção. Fugindo daquele compromisso semanal de um programa de rádio, eu faço de uma forma esporádica, não tendo hora e nem dia pra entrar no ar, e assim que posso e arranjo tempo para produzir e postar no MIX e depois sigo compartilhando na rede social e para meus contatos.

Dessa forma, acho que posso fazer mais edições, tudo é questão do momento em que estiver passando, mas não pretendo voltar a fazer rádio. A não ser que fosse uma proposta a contribuir com meus ganhos mensais. 

 

Podcast Flutuante e planos futuros de Stevan Zanirati

Usando desse espaço e a atenção de quem está lendo, digo que gostaria que o Podcast Flutuante, fosse apresentando em forma de vídeo,  com convidado presente e veiculação de vídeo clipe. Mas pra isso precisaria de tempo e parceria pra investir na proposta. Ou poderia ser algo mais ousado como algum programa de TV com plateia e banda e tudo mais…(hehaheha)

Resumindo, o Podcast Flutuante é tipo um hobby que uso para aprender mais, comunicar, divulgar, trocar ideias e se divertir. Um espaço que também uso para informar algumas atividade da banda e coisas do tipo. Pode ser uma ‘’brincadeira’,’ mas levada a sério, e assim os convidados trataram dessa forma, e isso é um reconhecimento que todos tiveram com o Podcast Flutuante. Mais uma forma de poder agregar com toda essa massa musical.

Mas pretendo fazer umas boas edições ainda, sempre com convidado e se possível ainda farei com o artista presente no local, quem sabe num estúdio ou um lugar mais reservado para evitar barulhos na gravação. A gravação do posdcast é algo que deixa claro que não é nada profissional (hehahe), mas nada de ser ruim, tento cuidar ao máximo na edição, e usando o gravador do próprio celular consigo fazer sem problemas, esses aparelhos tem um mic legal, e pra algo amador, ajuda bastante. 

O Flutuante no nome é claro que veio por causa da banda de que faço parte, o Caminhante Flutuante, um nome muito massa que combina muito com nosso som. 

Agradeço a todos que deram e ainda prestam atenção ao programa, que é feito como mais uma tarefa que eu mesmo me designo a fazer, algo que me deixa satisfeito em colaborar. Vale destacar que a ideia de começar com o podcast também serviu para amenizar e tentar espantar crises de ansiedades, aflições e até mesmo o tédio que bateu nessa pandemia. Mas conforme o tempo foi passando, as coisas foram dando um jeito, e assim todos nós vamos lidando com o mundo da forma que está. 

Grato a todos e sempre vou esperar mais ouvintes nas próximas edições.

Stevan e o Coração

O Podcast Flutuante de Stevan Zanirati

Produção e Apresentação : Stevan Zanirati

Veiculado por Mixcloud: clique aqui e conheça todos os episódios.

ou no player:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
%d blogueiros gostam disto: