Estação Black • DJ Ajamu tem o dom!

Estação Black • DJ Ajamu tem o dom!

Por Marcelo Kurts

Estação Black • Pra fazer o som,  DJ Ajamu tem o dom !

Hey DJ risca o prato, tuf tuf tuf !

 

Estação Black • DJ Ajamu tem o dom!
DJ Ajamu

 

A discotecagem de São Paulo está muito bem representada com o talentoso Robson Esteves Simões, conhecido com DJ Ajamu. O DJ, que é irmão do KL Jay (Racionais MCs), tem uma longa trajetória de 30 anos na cultura Hip Hop, cresceu ouvindo Black Music (Soul, Funk e Rap) e iniciou sua história nos anos 90, sendo do grupo Consequência, ao lado de Kamau e André Sagat, participou do campeonato Hip Hop DJ de 97 até 2002.

Conheci esse figura em 1997, aqui em Embu das Artes no festival Hip Hop Contra Violência e pude ver um cara humilde e criativo que permanece até os dias atuais tocando e participando de projetos.

Robson, ou Ajamu, atualmente participa de apresentações com o Racionais MCs e é um dos responsáveis pela festa Sintonia ao lado de DJ Will (seu sobrinho), DJ Marco e KL Jay a mais de 18 anos.

Em maio de 2021, ele lançou o trabalho intitulado “Reaja (Vol.1)”, lançado pelo selo da KL MÚSICA contendo 10 faixas com várias participações especiais como Edi Rock, Xis, Sombra e outros nomes do rap nacional. O trabalho foi mixado e masterizado pelo produtor musical  Base MC Beat no Refugi Áudio Estúdio em São Paulo.

Batemos um papo com o DJ na simplicidade do whatsaap !

 

Dj Ajamu

 

Conte um pouco de sua história dentro da discotecagem

Comecei a tocar há 30 anos mais ou menos por influência de meu irmão. Cresci ouvindo Funk, Soul, Rap e ia em festas que meu irmão realizava. Quando ele comprou os toca-discos, comecei a treinar as mixagens, no começo dos anos 90 comecei a tocar em algumas festas. De 97 a 2002, participei do Hip Hop DJ e, no final dos anos 90, tive meu primeiro grupo de Rap, o Consequência (junto com Kamau e André Sagat), toquei com o MC Sombra, Cris SNJ e com os Racionais MCs (desde 99). Atualmente toco no Sintonia com KL Jay, DJ Marco e DJ Will.

Você faz parte de uma família muito influente na discotecagem de SP, é um clã formado tio, sobrinhos e irmão. Qual a responsabilidade em pertencer a essa família ?

Minha família é meu maior orgulho e referência, os valores que tenho dela tento aplicar em tudo na minha vida, inclusive na minha profissão como DJ.

Além de festas e shows, nos quais você toca ao lado de seus familiares, desenvolve outros projetos ?

Toco em outras festas como convidado e gravo músicas com outros músicos e MCs.

Como você analisa o atual Hip Hop, curte ou discoteca essas novas variações do Rap como Trap e Drill ?

Gosto de algumas músicas e de alguns MCs também, muito cara e muita mina com talento, toco o que eu gosto.

Como foi ter que parar por um momento os bailes e não discotecar por conta da pandemia ?

Foi difícil financeiramente e psicologicamente, mas eu consegui me virar, fiz algumas lives que me ajudaram também.

Diga seu ponto de vista referente o presente momento em que vivenciamos no Brasil.

O pior momento de todos, desgoverno fascista e assassino, espero que as pessoas mais prejudicadas tenham ficado atentas aos seus verdadeiros inimigos.

 

 

Contatos – @djajamu


Texto anterior de Marcelo Kurts

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
%d blogueiros gostam disto: