Sua Arte à Venda

Sua Arte à Venda

Sua Arte à Venda

Sua Arte à Venda é o artigo desta semana na coluna Vivendo de Música, de Luis Maldonalle.

 

A maneira como o artista se porta em relação à sua arte sempre foi tema e pauta em todos os cantos da literatura e do cabedal artístico . Porém , pouco se vê sobre a crítica construtiva em relação ao posicionamento do artista com o seu próprio produto/conteúdo.

Enxergar a venda , o mercado e o business como um todo é quase uma afronta. E Isso vem de longa data. Desde os músicos eruditos que boa parte do tempo eram bancados por mecenas e entusiastas nobres até reis e baronesas que nutriam o encanto e paixão pela arte em geral. Sendo assim, ego e vaidade vinham à frente. Vender não era uma prioridade.

Já nos dias de hoje, o ócio criativo que tanto fez o artista em tempo integral não mais existe e isso deixa a árdua tarefa de construir e gerir a carreira ainda mais difícil.

Muito artistas não conseguem assumir sua arte como produto e acabam por passar quase sempre desapercebidos na régua artística a longo prazo. E dificilmente se adaptam, acabando por terceirizar os próprios erros.

Nos últimos anos, isso tem se acentuado. E com o advento da internet e a massiva exposição de trabalhos em áreas distintas, acabou por gerar um sem número de pessoas que fizeram uma leitura diferente da cena e se colocam como uma alternativa (salvação) afim de mostrar o caminho para novos artistas e inverter esse quadro, porém apenas em benefício próprio.

Uma simples rolada em seu feed, e cursos, tutoriais, imersões e tudo mais parece explodir em sua tela. A princípio a ideia é baseada no marketing de conteúdo.

E aqui faço um parênteses, já ouviu falar do Joe Pulizzi i? Não? Pois é, deveria. Mas a verdade é que a maioria pega a ideia diluída e a coloca sob um novo holofote. Então, a partir disso, trata se do assunto como o próprio inventor. A maioria das pessoas não tem tripa, sangue e estômago pra continuar no marketing de conteúdo por muito tempo. Acredite.

Consistência mais uma vez é a chave e o fantasma para muitos. Resultados levam tempo e muito esforço. E tão rápido como começou, a coisa desaba.

Enfiar um real no funil de vendas e tirar um milhão é o sonho da maioria. Mas está longe da realidade. Por falar em realidade, a maioria tem ignorado veementemente esse detalhe. E sem um estudo mais a fundo os resultados não passam de armadilhas expostas no Instagram e Facebook, dia após dia. “ Aprenda isso em tanto tempo, Venda aquilo de tal forma. Fique milionário antes dos trinta.”. Alguns anunciam cifras absurdas caso você faça o seu lançamento como ensinam. Mas poucos sabem que a coisa do “lançamento” começou com Jeff Walker lá atrás com o livro “ Launch”. E assim, no puro desespero travestido de oportunidade empurram devaneios e um conjunto de incertezas em quem quer que compre a ideia. Claro, mais uma vez em benefício próprio.

Claro que há pessoas bem intencionadas e que tem algum histórico em jogo. Mas o ideal seria ir na fonte. Ler livros, assistir palestras e Keynotes de empreendedores de destaque e pessoas que mudam o jogo. O filtro nessa etapa é muito importante. Porém, só o tempo vai ser capaz de identificar qual conteúdo tem realmente a sua importância e pode fazer diferença na sua jornada.

Por outro lado, a precificaçao é uma etapa e obstáculo, e espera-se um determinado comprometimento e garantia para que você de fato atravesse essa linha.

Certificar se que o seu “Info produto” tem demanda, necessidade. Fazer a leitura ideal do seu entorno ( baseando se na realidade) não na fantasia, para que no final você não pule etapas. O imediatismo atrelado à ansiedade de hoje pode ser devastador para o artista. Por isso o planejamento deve ser levado à risca. Claro que haverá lacunas. Coisas acontecerão no caminho. Mudar no processo é natural. Previsível eu diria. Mas a estrutura basal deve ser respeitada.

Depende do próprio artista adaptar. Entender a realidade e saber o quão bom realmente é o seu produto. Jornada, preço, venda e resultados, surgem apenas depois de um longo processo.

Para quem quiser conhecer o trabalho de Joe Pulizzi deixo aqui o link do livro Market de conteúdo épico.

https://www.amazon.com.br/dp/8582891318/ref=cm_sw_r_awdo_QD8B8PKEDAADCQ9ZCH4M

Abs.

L.M

Author: Maldonalle

Luís Maldonalle é guitarrista há trinta anos e é e considerado um dos grandes expoentes da cena do Centro-Oeste. Atualmente se dedica ao conteúdo via redes e o Tributo Yngwie Malmsteen. Luís sempre foi um aficionado das clássicas histórias de terror e literatura fantástica. O seu livro, Sete Noites em Claro, é a estreia dele no universo do terror e fantasia. Para mais informações visite : https://www.paypal.com/donate?hosted_button_id=M83EX6BSSVXS4

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
%d blogueiros gostam disto: